segunda-feira, 3 de novembro de 2008

Flyers...

Um dos mais eficazes meios de divulgar fanzines foi o flyer.
Esse "cartão de visitas" que povoou todas as cartas, circulava por todo o mundo, sempre levando sua mensagem...
Eu fazia e distribuía muitos, mas muitos flyers mesmo! Isso me rendeu contatos em vários lugares do mundo, inclusive do Alasca! Tinha gente que mes escrevia dizendo: "não aguento mais receber seu flyers e resolvi escrever".
Os flyers eram os spans que temos hoje na internet.
Nos anos 90 eu produzi muitos flyers, ao ponto de não conseguir dar conta dos pedidos. Tudo era feito da forma mais artesanal possível.
O fogo era quando o cara falava: "ah, faz o que você achar melhor". E como 90% das encomendas era dessa forma, eu tinha que me virar aos avessos pra tentar ser criativo...
Abaixo os mais bacaninhas...


Esse é um dos meus favoritos...


Por onde anda essa banda?


Esse foi difícil, pois o vocal Túlio mandava bem no rabisco!


Esse foi uma grande responsa também, pois eles tinha o ótimo desenhista Lok.


A idéia era apenas o nome do zine.


Dava até medo de escrever pra esse zine. Olha a cara de mau...


Esse era o flyer da coletânea do zine Mensageiro. Eu fiz também a capa da coleta.


Um dos meus favoritos. Com cara de desenho de criança.


Banda punk. Desenho punk.


Esse circulou bastante. Virou até adesivo.


Primeira versão pro zine do Altieres.


Nessa segunda versão, eu já contava com a ajuda do computador.


Esse também eu gostei. Bebeu, morreu.


A vontade de ser livre era explícita.


Como eu gosto do nome desse zine...


No melhor estilo rockabilly!


O mais engraçado é que usei uma gíria paulista para um flyer carioca. Fala sério, meu!


Mais um flyer na linha punk.


O único na linha death metal que eu fiz. Deu pra perceber que minha parada era outra, né?


Esse foi até completado à mão pelo Mancha.


Feito a quatro mãos por mim e pelo Douglas Tatoo.


Nem sei se esse circulou, mas ficou engraçado.


Meu traço estava começando a pegar forma.


Esse foi inspirado na capa da demo Home Alone que tinha essa simpática lesma. A banda acabou adotando também o logotipo.


Apesar do nome da cidade sair errado (o certo é Taquaritinga) achei muito engraçado esse.


Mais um punk.


Esse é simples, mas bonitinho...


Mais uma versão. As letras do RALO eu me inspirei em Henry Jaepelt.


Esse ficou "doido"!


Mais um simples, mas bacaninha...


Apesar do inglês tosco...


Esse, com certeza, você recebeu! Foram milhaaaaares circulando!


Inspirado nas letras das músicas da banda.


A idéia era reunir o maior número de espécies...


Mais um pro Chimarrão! Dessa vez pra Karol!


O desenho não é meu, naturalmente. Mas foi uma das grandes sacadas que tive. Peguei uma tirinha do Calvin e inseri as falas. Circulou milhares desse. Se você recebia cartas naquela época, com certeza recebeu esse flyer!


Esse chegou a sair até no caderno Zap! do jornal O Estado de S. Paulo.


Esse foi o primeiro flyer que fiz pro meu zine.


Apresentando a Joelma ao underground.


Talvez o primeiro casamento nosso...


Esse nº4 deu mesmo o que falar...


Pra finalizar, um dos mais legais que eu fiz.

7 comentários:

Marcelo Viegas disse...

Do Jukes eu tenho até hoje...

Cara, o zine do Altieres... por onde anda esse figura?

abs!

flavio grão disse...

Com certeza devo ter algum desses nas minhas cartas... Reconheço o traço de seu desenho! Clássico!
Então, o Negative Control era da minha área (São Bernardo do Campo), parece-me que o Pingo (ex-batera e membro gerente ) casou-se que uma das vocalistas e é Advogado!

abraço!

Mike Ribera disse...

Tinha quase todos em uma caixa de sapatos, de onde pegava um bolo e colocava em toda carta nova que enviava. Naquele tempo não tinha twitter... O melhor é o EU SOU MAL pro Danubio heehhe

Danielle disse...

Sno, não acredito que você guardou todos esses flyers! A cada um que eu lia lendo, ia vendo um pedacinho da minha vida... Puta arrependimento de não ter guardado nenhum dos meus...

márcio sno disse...

Vamos lá às respostas...
Viegas: O Altieres ainda existe. Ele tinha ido pro interior, se formou em psicologia e mora em SP. Acho que ele está no meu Orkut...
Grão: Nossa, essa vida dá voltas mesmo... Quem diria!
Mike: Você esqueceu de falar que tinha um zine só com flyers: o Zine Mix!
Dani: Os que eu guardei mesmo foram os que eu fiz. Ainda tem mais lá em casa, é que só coloquei alguns...
Beijos à granel!

cuckoo for caca disse...

Caraca....tenho varios desses ai e mais alguns...eu não joguei fora nenhum do flyers q eu recebia...uma dia ainda faço um quadro com eles....E vc , sumidão cara...tenho Ahhh muito grosso na casa dos meus pais....acho q é o 4, não lembro...Vou sempre colar por aqui!!! abraços!!!

tHIAGO gOMES disse...

cara, CURTI MUITO SEU BLOG, UM PUTA HISTORICO!!
CURTO MUITO FANZINAR!!!
ABRAÇO!